13/11/2010

Exemplos que vêm de cima ou um grande exemplo dado pela CML e pela TMN para a dignificação do espaço público e das zonas nobres e históricas da cidade.





( já agora podiam ir buscar aquelas lindas bolas, de Natais anteriores e decorar o resto da praça,ficava tão bonito!!)

12 comentários:

Anónimo disse...

Ontem vi uma coisa destas em frente da Praça de Touros do Campo Pequeno...

Lá também não faz pandan...

Xico205 disse...

O dinheiro não cai do ceu, a câmara está falida e estas campanhas rendem dinheirinho. Desde que não me vão aos bolsos ganhem dinheiro como quiserem.

Anónimo disse...

Quando a Monocle vir essa, vai ádórá.

FJorge disse...

Será que isto é o início de um projecto de distribuição dos contentores de Alcântara?

Anónimo disse...

PUBLI-CIDADE

Anónimo disse...

aqulio que se pede é que as regras usadas para as estruturas permanentes seja as mesmas para as estuturas temporárias. se o quiosque não é um contentor porque é que o contentor da TMN não pode ser um quiosque?

Anónimo disse...

"se o quiosque não é um contentor porque é que o contentor da TMN não pode ser um quiosque?"


porque o quiosque é antigo e faz parte do imóvel classificado... a barraca da tmn não...

Anónimo disse...

Oh Xico você não diga isso.

Não vale tudo para se ter uns trocos. Já viu o que se perde em paisagem, o que pensaram os turistas. Se toda a gente pagasse os impostos que devia não era preciso isto.

Xico205 disse...

Pois, mas não pagam pois não? Nem nunca vão pagar porque as instituições publicas não sabem cobrar. Ou melhor, roubar os do costume sabem.

Quero lá saber do que que os turistas pensam. Nas terras deles há precisamente o mesmo, e quem diz que não, é porque nunca foi a lado nenhum.
Ninguem normal deixa de ir a uma terra porque está um contentor numa praça.

Bigalface disse...

o que vale é que temos lá um vereador que bate o pé ao Santana Lopes, Ah ...Não...esperem lá o Santana já não é presidente... e que tem este pelouro é esse vereador,... epá ...desculpem que me enganei...

Anónimo disse...

Lá está o Xico com o mau feitio do costume...a agressividade não lhe traz mais razão, antes pelo contrário.

Repare no seguinte. Gostaria de ir a Praça Venceslau, em Praga, e não conseguir tirar uma foto sem que aparecesse publicidade a qualquer coisa?

A ideia que damos, para além do que já decorre evidente da forma pouco cuidada como está o nosso património, é que damos mais valor a receber dinheiro de merchandising do que a valorizar e preservar os nossos monumentos.

Refere exemplos "estrangeiros" similares. Já fui a muitas cidades e vilas por esse mundo fora e nunca constatei a selvajaria publicitária que paira por cá.

Xico205 disse...

A selvejaria publicitária foi inventada cá quer ver. Nos outros países não há!!

O que mais tenho é fotos doutras cidades com publicidade. Dessa praça de Praga, quando lá estive ainda não havia PUB porque tinha-se aberto ao ocidente à pouco tempo, agora não sei como está. Mas cada país e cada cidade tem a sua maneira de ganhar dinheiro, e cá como sabemos a câmara de Lisboa é perita em deitar dinheiro ao lixo e depois tem que o arranjar de todas as maneiras e mais algumas. Só não vendem as mães deles porque ninguem as compra.