...

...

23/10/2015

E ainda falam dos tuk-tuks. Há bodes expiatórios para tudo.


Autocarros à frente da Sé. Estacionam, fazem inversão de marcha não desligam o motor enquanto esperam pelos turistas. Há anos que é assim e ninguém ligou nenhuma. Mas o tuk-tuks é que são o grave problema. Há cidades em que os grandes problemas não se resolvem nunca. É sempre melhor abater o elo mais fraco.

Sem comentários: