...

...

29/10/2015

S.O.S. Chafariz da Cova da Moura/Av. Infante Santo


Exmo. Senhor Director-Geral
Doutor Nuno Vassallo e Silva


O Chafariz da Cova da Moura, adossado ao Aqueduto das Águas Livres, está por isso mesmo classificado como Monumento Nacional, sendo que se encontra há muito tempo abandonado e entregue à degradação provocada pelos elementos naturais e pela intervenção do homem, sendo que neste momento preciso, tememos pelo seu FUTURO, já que o projecto urbanístico em desenvolvimento para a zona que lhe está junta (Proc. 40/EDI/2011 – Alvará n.º 17/CE/3014), configura a construção de um elevador de ligação à Calçada das Necessidades, a construção de um jardim sobre o geomonumento, e por outro, a construção de habitações na parte da Calçada das Necessidades, nºs 8-8A e 10-10A, tudo concebido sem qualquer menção fosse sobre a existência do Chafariz, fosse muito menos sobre a necessidade de o preservar e dignificar enquanto parte integrante de um MN.

Mais tememos pelo futuro do Chafariz, depois de constatarmos a resposta dos Serviços do Urbanismo da CML a um Requerimento dos Vereadores do PCP, a que tivemos acesso (cuja cópia anexamos).

Solicitamos, por isso, a V. Exa. e à DGPC, para que acompanhem este processo, assegurando que o Chafariz da Cova da Moura seja preservado, independentemente de o mesmo ser ou não ser uma ruína, enquanto parte integrante de um MN, na esperança de que gerações futuras hão-de ser capazes de o dignificar.

Melhores cumprimentos​


Paulo Ferrero, Bernardo Ferreira de Carvalho, Rui Martins, António Araújo, Miguel de Sepúlveda Velloso, Maria de Morais Oliveira, Jorge Pinto, Maria do Rosário Reiche, Irina Gomes, Inês Beleza Barreiros, Pedro Formozinho Sanchez, Fernando Jorge, Beatriz Empis, Rossella Ballabio, Luís Marques da Silva, Jorge Santos Silva, Júlio Amorim e Virgílio Marques


Foto e fonte: Pinto Soares

Sem comentários: