Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

02/10/2018

Edif. Av. Almirante Reis, 22 - janelas abertas à destruição - alerta à CML

​Foto in o-jacaranda.blogspot


Exmo. Senhor Vereador
Arq. Manuel Salgado


CC. PCML, AML e JF

Passados que estão 8 meses sobre o incêndio que ocorreu no edifício sito na Avenida Almirante Reis, nº 22 (https://www.msn.com/pt-pt/desporto/video/inc%C3%AAndio-em-pr%C3%A9dio-de-lisboa-desaloja-dezenas-de-pessoas/vp-BBILdw1), somos a solicitar a V. Exa. que intime o proprietário (a acreditar nos rumores, será agora o mesmo do novo WC Boutique Hotel, existente do lado oposto da mesma avenida e que implicou, recorde-se, a demolição de um edifício que datava do início da avenida e, pior, que não se encontrava em risco de ruína, o que a nosso ver foi uma violação grosseira do Plano Director Municipal, mais a mais resultando a nova construção num edifício muito mais alto), pelo menos, fechar todas as janelas do imóvel que se encontram neste momento “abertas à destruição”, desde logo aquelas em cujos pisos não houve incêndio.

Com os melhores cumprimentos

Paulo Ferrero, Bernardo Ferreira de Carvalho, Filipe Teixeira, Júlio Amorim, Pedro Cassiano Neves, Rui Martins, Miguel de Sepúlveda Velloso, Helena Espvall, Pedro Ribeiro, Inês Beleza Barreiros, Fernando Jorge, Martim Galamba, Virgílio Marques, Eurico de Barros, Fátima Castanheira, Miguel Atanásio Carvalho, Beatriz Empis, António Araújo, Maria do Rosário Reiche

2 comentários:

Anónimo disse...


Este WC Hotel vem revelar o quanto Lisboa tem sido desvirtuada e abandalhada pelas entidades que a deveriam defender, como o Turismo de Lisboa, uma entidade anti cultura e pró massificação sem limites.

Será que Medina e Manuel Salgado já se "lavaram" dos seus pecados neste "Hotel" de mixórdia ?

Anónimo disse...

Uau, que bonita e conservada era a Almirante Reis nesta altura. Tudo tão genuíno e bem cuidado. Tenho especiais saudades da fuligem e dos cafés decrépitos de inox, as cargas e descargas também sempre foram um must. Aliás, "As Palmeiras do Anjos" tinha ar de ser um sítio bestial para ir beber um copinho de três, basta ver pela limpeza do chão. Saudosismos da tanga.