Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

11/12/2017

Viaduto Duarte Pacheco

Chegado por e-mail:

Exmos Senhores
É este o panorama das bermas no final do viaduto Duarte Pacheco, ao entrar em Lisboa.
A vegetação que invade os escoadouros (sargetas), provoca, como se adivinha, lençóis de água que podem causar acidentes graves. A quem compete a limpeza desta via?
Cumprimentos
Rogério Marques

4 comentários:

Anónimo disse...


O dinheiro vai todo para os assessores, nada disto interessa à CML e Assembleia Municipal.

MP Carvalho disse...

Pensava que era o único que via este tipo de coisas .. e se fosse só no Viaduto Duarte Pacheco ! É olhar para o separador no Eixo Norte Sul entre a 2ª circular e a saída para 7 Rios p.ex .. em partes da CRIL, Av. Padre Cruz, a caminho da A8 .. etc

E não é só por entupir o escoamento de água, é porque é mesmo desleixo e falta de profissionalismo deixar crescer arbustos com

Bastava limpar de 15 em 15 dias a terra que se acumula junto aos separadores com uma daquelas máquinas próprias e tapar as aberturas para os candeeiros e .. voilá ! E saber que trabalham 6.000 pessoas na CM de Lisboa .. e a aumentar pelos vistos

Anónimo disse...

É ver os cantoneiros meia hora antes de saírem do trabalho a arrumar a lancheira, alguns instrumentos do ofício e outros na cigarrada e cavaqueira. Não têm tempo para trabalhar! Têm que sair à hora em ponto.

Eu saio às 17 horas e levanto-me da secretária às mesmas 17 horas.

Filipe Melo Sousa disse...

não há dinheiro. o autor do post é livre de contribuir, porque de nada serve exigir que o dinheiro exista, e que os outros paguem, num país pobre