Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

30/05/2018

Ministério Público pede nulidade do polémico "mono do Rato"....


Licenciamento foi aprovado há 13 anos mas só em 2018 é que as obras começaram. Agora, foi ordenada a sua suspensão

O Ministério Público entrou com uma ação administrativa no Tribunal Administrativo do Círculo de Lisboa que visa declarar a "nulidade do ato de licenciamento de obra de construção situada no 'gaveto' formado pela Rua do Salitre, Rua Alexandre Herculano e Largo do Rato, em Lisboa". Ou seja, o edifício - cujas obras começaram há poucos meses - que é conhecido como "mono do Rato".

"A referida ação foi proposta contra o município de Lisboa, tendo como parte contrainteressada a promotora da obra, e fundamenta-se, a título principal, nas várias nulidades de que padece a mencionada licença", lê-se num comunicado.

Pode ler o resto aqui no DN de hoje

5 comentários:

Shadows disse...

Grande notícia!

Anónimo disse...

Fantástica, mesmo!

Anónimo disse...

Afinal O anterior presidente da CML, de seu nome António Costa, não tinha razão. E pelos vistos o atual presidente da CML também não tinha razão.
É possível parar o mono do Rato!

Rui Ferreira disse...

Pensando bem faz todo o sentido esta ação judicial!...

Bastou a Procuradora Geral da República abrir a janela e perguntar; "Olhem, alguém sabe o que vão fazer ali?"

Agora sim, parece-me que este processo vai ter aliados de peso!

Anónimo disse...

Este é daqueles projetos que nunca devia ter saído do papel! É uma verdadeira ofensa à cidade. Um ovni, que aterrou no sítio errado.