28/06/2007

Eleições 2007: Propostas Fórum Cidadania Lx


Caro(a) Amigo(a)

Para seu conhecimento, e melhor divulgação, AQUI fica um conjunto de propostas que achámos por bem compilar e apresentar aos candidatos à CML, na certeza de que não sendo um programa eleitoral poderia muito bem sê-lo.

São ideias e propostas que não vendemos, damos!

São ideias e propostas que levadas à prática trarão melhor qualidade de vida a quem vive, visita e trabalha em Lisboa, disso não temos dúvidas.

Oxalá que o próximo executivo e os próximos vereadores da oposição as tenham em consideração. Lisboa merece!

Paulo Ferrero, Bernardo Ferreira de Carvalho, Carlos Leite de Sousa, Filipe Mónica, Hugo Oliveira, João Mineiro, Nuno Santos Silva e Nuno Valença

9 comentários:

Anónimo disse...

Numa primeira pesquisa rápida por palavras do documento:

"estacionamentos" - 55 ocorrências

"Parques" - 10 ocorrências, 9 referentes a parques de estacionamento, 1 referente a parques verdes

"Crianças" - 0 ocorrências

"bicicleta" - 1 ocorrência

"transportes" - 11 ocorrências

Sem ler o documento, vê-se que há preocupação em alojar os carros, mas pouca preocupação em melhorar a qualidade de vida das pessoas. Um juízo de valor que espero tar errado...

António Cruz

Arlequim disse...

Estou a elaborar um documento que pretende resumir as propostas dos candidatos no que concerna à mobilidade. Após uma análise das vossas propostas nesta área, temo que não contenham nada de novo que não tenha sido abrangido pela generalidade dos programas autárquicos.

Para um debate sobre o uso da bicicleta com vários candidatos: Hoje, 5ª feira às 18h30 no Crew Hassan.

Carlos Leite de Sousa disse...

Sugiro uma leitura atenta do documento e posterior comentário. De qualquer forma são ideias de um grupo de cidadãos, não notáveis, e por isso mesmo, nunca é possivel abranger todas as sensibilidades. Aliás, se todos as manifestassem, seguramente o documento seria mais completo.

Arlequim disse...

Não, se todas as sensibilidades se manifestassem, por definição, seria impossível produzir um documento completo e exequível. Questões teóricas à parte, o vosso documento está de facto, incompleto no que respeita à mobilidade.

Mas parabéns pela iniciativa.

JB disse...

Acho que o documento é um bom exemplo de cidadania

Anónimo disse...

Parabens, sem duvida Lisboa ganhava, se estas ideias fossem postas em practica. Acho que só nao gosta deste documento, as pessoas que querem encher Lisboa de betao. Já ficava muito contente, se metade do que lá esta fosse feito.

jtorcato disse...

Olá,
Gostava de saber a vossa opnião sobre a plano do 'Vale de Sto António'. Moro naquela na penha de frança e vejo-o como uma oportunidade de revitalizar toda a zona da Graça, S João e Penha de França. Vejo a questão no questionário final mas na realidade não conheço a vossa opnião sobre o assunto.
Cumprimentos,
João

Nuno Valença disse...

caro JTorcato,

Também resido na Penha de França, e obviamente acho que a zona do Vale de Santo António é muito importante para a requalificação das freguesias da Penha de França, Graça e São João. O PDM inclusive prevê qe se trata de uma zona de requalificação urbana. Concordo com UM Plano de Urbanização do Vale de Santo António, e tenho dúvidas quanto AO Plano de Urbanização do Vale de Santo António:

Em relação ao projecto a minha opinião pessoal (eventualmente outros membros do FCLX não a partilham total e/ou parcialmente)

- Há dúvidas quanto à lisura do processo que levou ao Plano de Urbanização do Vale de Santo António. As autoridades estão a investigar o assunto, conforme sabe.
- O projecto é, antes de tudo, uma operação imobiliária numa zona central livre e lucrativa.
- Sou a favor de equipamentos como a biblioteca e arquivo, de espaços verdes (que praticamente não há em S. João, Graça e Penha de França) e de instalações desportivas.
- Sou a favor de se colocar ali um centro de saúde (melhor localizado que o existente no jardim dos Anjos)
- O indíce de construção e parques subterrâneos é perigoso naquela zona-
- Tenho dúvidas sobre a construção de mais "zonas comerciais" (ver http://cidadanial x.blogspot.com/2007/06/centros-comerciais.html onde citamos uma notícia sobre a decadência de espaços comerciais recentes)Um Centro comercial ali não me parece uma boa opção urbanística, nem económica.
- Não concordo com o entusiasmo (da Junta da Penha de França) que relaciona a requalificação da Penha de França com o projecto: e a requalificação das restantes zonas da freguesia? e o aproveitamento dos espaços que se anunciam vender a privados? (quartel da Graça, Comando da PSP)? e a melhoria dos transportes na zona da Graça e Penha de França? e o projecto da enconsta da Penha de França (consultar boletim da Junta e notícia referente ao projecto premiado dos arquitectos Lília Coelho e Nuno Almeida que ganharam o prémio Jovem Arquitecto Paisagista)
- A integração do projecto no contexto da circular das colinas também me suscita dúvidas, dado que não concordo com a dita circular.

Cumprimentos

Carlos Leite de Sousa disse...

Em relação ao projecto do Vale de Santo António, confesso que o projecto existente me coloca bastantes dúvidas, pois seguramente será um "projecto de cogumelos de betão". Aliás, as imagens a 3D, para quem conhece bem a zona, não deixam qualquer dúvida. esta seria para mim mais uma boa oportunidade de fazer uma urbanização com qualidade e essencialmente um local onde os espaços verdes fossem uma realidade. Assim não me parece. Parece-me antes algo semelhante ao sucedido na zona Norte do Parque das Nações, com excesso de construção, prédios muito proximos uns dos outros, e poucos espaços verdes. Recordo que o Vale de Santo António era até há poucos anos atrás um aglomerado de barracas. Posteriormente foram feitos os edificios da "Cooperativa Sonho de Abril" ao longo da Av. Mouzinho de Albuquerque. Com o projecto previsto, e tendo em conta que esta via é o inicio da chamada 1ª Circular de Lisboa, é previsivel um aumento do fluxo de tráfego pouco consentâneo com o esperado pelas populações.