13/06/2015

DECIDIDAMENTE, PARECE QUE 2015 NÃO É UM BOM ANO PARA AS ÁRVORES EM LISBOA ÁRVORES A MORRER NO CEMITÉRIO DOS PRAZERES


Os Cedros e os Ciprestes do Cemitério dos Prazeres estão a ser atacados por uma praga que julgamos ser o Cancro Cortical dos Ciprestes, causado pelo fungo Seiridium cardinale.

O combate a esta praga, como a todas as outras, é muito difícil e dispendiosa. Veremos o que a Câmara Municipal de Lisboa pensa fazer para minimizar os seus efeitos e impedir que se propague a outras árvores do género Cupressus existentes na cidade.

O que está a acontecer é mais uma prova de que se deve evitar a plantação mono-específica, tanto em jardins como em arruamentos.

Na última foto podem ver-se árvores não atacadas plantadas intercaladas com outras espécies.

Seria importante que a “Plataforma em Defesa das Árvores” se interessasse por este fenómeno.


Pinto Soares

3 comentários:

Anónimo disse...

Sim, é verdade. As árvores do cemitério dos Prazeres estão com esta praga. O que fará a câmara para a combater, aqui e por toda a cidade?

Dona Maria disse...

Um cemitério que, é uma vergonha! Além das árvores doentes, grande parte dos jazigos estao partidos e arrombados. Existem "buracos", talvez passagens subterraneas que estao abertas sem qualquer tipo de seguranca, enfim uma vergonha!

Maria Ana d'Orey disse...

Inúmeras arvores doentes e o que se vê são os espaços deixados pelos cipreste mortos a serem tapados com alcatrão!!! Uma vergonha