APAREÇA! É GRÁTIS!

APAREÇA! É GRÁTIS!

21/05/2011

Crise vai atrasar obra do terminal de cruzeiros de Lisboa

92 Milhões é o valor do custo Total do Investimento (in Publico)

O novo terminal de cruzeiros de Lisboa, com investimento global previsto de 92 milhões de euros, e com obra do cais já concluída, pode ser recalendarizado e não ficar concluído em 2013, tal como estava previsto, disse ontem à tarde, em Lisboa, o ministro das Obras Públicas, António Mendonça, justificando o adiamento com os actuais constrangimentos financeiros do país.

Numa visita ao novo cais, com uma área total de 7790 metros quadrados – que corresponde à primeira fase do projecto, já concluída e em funcionamento há dois meses, após um investimento de 65 milhões de euros – o ministro das Obras Públicas admitiu que a actual situação financeira do país “obriga a ser mais exigente e mais selectivo relativamente aos investimentos”.
“ Terminar a obra em 2013 era a perspectiva inicial, mas com a situação actual do país teremos de rever e ajustar a obra em função disso”, acrescentou António Mendonça, citado pela agência Lusa.

Ainda assim, o ministro disse que se está a trabalhar com o horizonte “de finalizar a obra em 2013, mas os ajustamentos que tiverem de ser feitos serão feitos”. O governante escusou-se a avançar quais seriam os novos ajustamentos e calendários da obra, por “não estar em condições de o fazer”.

O projecto é da autoria do arquitecto Carrilho da Graça, vencedor do concurso promovido pela Administração do Porto de Lisboa, que recebeu outras 36 candidaturas.

2 comentários:

Anónimo disse...

mais uma obra desnecessária com esbanjamento do dinheiro públic

Filipe Melo Sousa disse...

PALHAÇADA!

Mais valia não iniciar a obra.