...

...

23/08/2016

Afinal o Desterro continua abandonado e estropiado...


Foi em 2014 que se prometeu que na Primavera de 2016, o antigo Hospital do Desterro reabriria como centro de várias coisas, desde alojamento a medicinas alternativas, artes e tutti quanti. Pois estamos no final do Verão de 2016 e nem obras há quanto mais artes e ofícios e pensionato. Parou tudo, se é que alguma vez começou, a não ser a clássica remoção de caixilharias de madeira e as habituais tropelias sob a forma de escavações e descobertas que sempre compõem belos powerpoints. Ali, está tudo assim, como dantes ou pior, mais valia as infecto-contagiosas, como fotografou Gonçalo Gouveia, aquando da sua visita no âmbito da Open House:

N.B. Mais fotos AQUI.

2 comentários:

Anónimo disse...


EM BOA HORA o Fórum se lembrou do ex Hospital do Desterro !!

Anuncciado como uma das SOLUÇÕES para a Colina de Santana, O QUE SE PASSA ??

Onde estão os PARTIDOS representados na Assembleia Municipal ??

Que é feito das centenas de milhares de euros gastos com o NOSSO DINHEIRO ???

Sugiro ao Forum que solicite informão sobre esye novo ESCÂNDALO à Assembleia Municipal, com cópia para os JORNAIS, tavez algum jornalista consiga furar o BLOQUEIO semelhante à censura de há 40 anos ...

Entretanto edificios como o Balneário do Hospital Miguel Bombarda continuam a degradar-se, e o custo da sua reparação seria muito menor do que esta MEGALOMANIA do DESTERRO.


Anónimo disse...

Por acaso conheço o processo e posso dizer que numa primeira fase, foram executadas demolições de elementos de betão armado que foram sendo construídos ao longo dos anos sem o mínimo respeito para com o edifício centenário. Posso dizer que foram cometidos inúmeros atentados, mas como era um edifício do estado ninguém dizia o quer que seja. Estão a aguardar uma segunda fase, onde será realizado o reforço estrutural do edifício.
Na primeira fase não foram removidas janelas de madeira, aliás, nem sequer existiam janelas de madeira no edifício, apenas e só janelas em alumínio, que se mantêm.