Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

09/08/2013

URGENTE: Protesto pela anunciada pintura definitiva em rosa do piso da Rua Nova do Carvalho e colocação de mupis sob patrocínio de marca de vodka!


Exmo. Senhor Presidente da CML
Dr. António Costa


C.c. AML, Vereador Espaço Público, Media


No seguimento de informações recolhidas no local, junto de moradores e comerciantes da zona do Cais do Sodré, somos a protestar (está-se a tornar um hábito), sobre a iminente re-pintura, a título definitivo e em côr-de-rosa, do piso da Rua Nova do Carvalho, e colocação de um sem-número de múpis naquele arruamento e zona envolvente, no que será o resultado de uma comparticipação financeira à CML por parte de uma marca de
vodka.

Mais, a CML parece estar apostada em fazer do Cais do Sodré, São Paulo e Corpo Santo uma réplica do Bairro Alto enquanto 'Meca II' da animação nocturna, acreditando que assim revitaliza os bairros e repetindo os mesmos erros - agora insustentáveis - permitidos no Bairro Alto, sem qualquer preocupação pela vida dos respectivos moradores.

Mais valia, sim, que a CML, pelo seu Pelouro do Espaço Público, interviesse de forma objectiva e sem rodeios a nível do controlo do estacionamento automóvel em cima dos passeios por via da colocação de pilaretes, normalização das esplanadas e do material publicitário, etc., e daqui chamamos a atenção de V. Exa. para um facto indesmentível e que torna 'curiosa' esta nova investida na Rua Nova do Carvalho: TODOS os outros arruamentos vizinhos carecem das mesmas deficiências que a Rua Nova do Carvalho.

Com os melhores cumprimentos


Paulo Ferrero, Bernardo Ferreira de Carvalho e Luís Marques da Silva

5 comentários:

miguel disse...

eh pá vocês são insuportáveis... uma artéria mínima... e que os comerciantes ali instalados e frequentadores aprovam a ideia .. qual é o vosso problema? A cidade deve ser apenas vivida à vossa imagem e gosto?
É uma pena que o vosso fundamentalismo bacoco torne um blog que podia ser tão útil em algo insuportável.

Anónimo disse...

Os Bares pretendem, concerteza, aproveitar a mais valia resultante do prolongamento das ruas em locais de venda de bebidas, mas a CML não pode renunciar à sua competência de gestão do espaço público, o que seria intolerável.

Anónimo disse...

Do que é que estão à espera?

Já viram o tipo de comércio que existe ali e nas zonas adjacentes?

São bares, pubs, discotecas, casas de shows...

Claro que a frequência é o que é...

Só me admira como é que ainda não pintaram os edificios pombalinos com as cores do arco íris.

Anónimo disse...

Eh pá Miguel,
esta cidade está cheia de coisas insuportáveis, como os comerciantes não quererem a pedonalização de ruas e artérias porque vai-lhes dar cabo do comércio. Veja-se Sevilha que pedonalizou ruas enormes contra os comerciantes e agora têm mais movimento que nunca. E depois os comerciantes são os principais agentes do abarracamento das ruas da cidade - esplanadas de plástico, publicidade de terceiro mundo - e até pagam umas coisinhas à polícia para os clientes deles estacionarem em cima de passeios e passadeiras. E tenho mais coisas insuportáveis para contar... tem tempo?

Um morador disse...

E o facto do Vereador andar a reunir-se com residentes, comerciantes e outros agentes para resolver os problemas do Bairro Alto e Cais do Sodré, e nas costas de todos, preparar isto, não conta? É assim com que a CML trata os que se sentam a "dialogar"? Afinal, qual diálogo? Insuportável é todo o ruído, vandalismo, urina, fezes e drogas que vocês trazem para as nossas ruas a pretexto de "divertimento"!