...

...

12/03/2015

Lisboa, Capital do Azulejo: Rua Cidade da Horta





Temos assistido à instalação, um pouco por toda a cidade histórica, de novos dispositivos de publicidade por parte de 2 marcas de cerveja.

Estes dispsoitivos, em metal, são afixados às fachadas dos imóveis com parafusos, sem a devida consideração pelo património. São afixados em cima de cantarias e azulejos.

Na Rua Cidade da Horta 51-53, num edifício com fachada revestida de azulejo de qualidade, foram aparafusadas duas destas placas.

Já por diversas vezes solicitámos à CML que informe os cidadãos se este tipo de "reclames" são legais e/ou se tem emitido licenças - mas até à data não houve qualquer resposta ou esclarecimento. 

Entretanto, estas marcas de cerveja (assim como outras marcas de refrigerantes e etc) continuam impunemente a destruir o património, contribuindo também para a poluição visual do ambiente urbano de Lisboa.  

2 comentários:

Anónimo disse...

Foram fotografar um dos tascos mais fétidos e imundos da estefânia, um daqueles que antes de ser tasco era casa de pasto. Néon no tecto, tvi para surdos e cara de poucos amigos para quem entra. Estão admirados? E aqui entre nós, aqueles azulejos são horrorosos.

Anónimo disse...

Os azulejos são muito feios, lá isso é verdade.