16/10/2014

Mansardas pombalinas




Prédio pombalino no Corpo Santo. As mansardas já foram. venham os zincos.

2 comentários:

Anónimo disse...

Realmente todos estes arquitectos estão a ser os carrascos de Lisboa e do que a faz única!
Estamos-nos a tornar numa imitação barata de Paris:

https://www.flickr.com/photos/jmlpyt/10939778593/in/photostream/lightbox/

http://flickrhivemind.net/Tags/toit,zinc/Interesting

http://construction.com/CE/CE_images/0712rheinzink1.jpg

http://www.wadearch.com/wp-content/uploads/2013/10/zinc-panel-1.jpg


E mesmo em Paris existe uma diversidade imensa de mansardas:
Desde zinco, telha, telha prateada, ardósias...
Cá, todos esse materiais estão a ser retirados e a serem substituídos por zinco, zinco, e mais zinco!!

Alexandre Silva disse...

Os arquitectos nem desenham as mansardas. É encomendado um estudo ao fornecedor do zinco, sem quase desenho de pormenores da parte do arquitecto, salvo alguma excepção. Imagino como vai ser, um dia, aquela foto que gostamos e queremos vender aos turistas, desde um mirador. Penso que eles gostam da linguagem de telhados em telha descendo pelas colinas. um dia será tudo um mar de telhados pretos! Sera que continuarão a gostar e a querer vir ver as vistas?