Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

27/09/2014

Jornadas Europeias do Património - Palácios de Lisboa

Palácio Riberia-Grande

Palácio Nacional da Ajuda

Quinta das Águias

Palácio do Patriarcado

Palácio Povolide

Palácio Marim-Olhão

Palácio Pina Manique

Palácio da Rosa/Marqueses de Ponte de Lima

Palácio Almada

Palácio Almada-.Carvalhais

Palácio Alvito

Palácio Alva/ palácio do Bichinho-de-Conta


No dia das Jornadas Europeias do Património, aqui ficam fotografias de algumas das mais emblemáticas residências aristocráticas de Lisboa. Do séc. XV ao XVIII, os vários períodos da história de Portugal estão representados. Estas excepcionais casas, fazem parte da memória de Lisboa. Todos elas estão abrangidas por figuras de maior ou menor protecção patrimonial. Este é o actual retrato da situação em que se encontram.

Em dia em que o património é estrela, poderão os vários fundos imobiliários dizer o que pretendem fazer com este inestimável património? Poderá a CML dizer aos cidadãos como quer intervir, se pretende fazer do combate a esta incúria uma das suas prioridades? Poderá a DGPC sair do seu mutismo e dos seus muitos ofícios, tão numerosos como inúteis, e dizer-nos se tudo isto é uma miragem, um pequeno pormenor na vasta riqueza patrimonial de Lisboa, uma preocupação espúria de um grupo de cidadãos ultra-atento?

Agradecem-se as respostas.


4 comentários:

Julio Amorim disse...

Bolas....deprimente !!

Anónimo disse...

"Bolas....deprimente !"

É mesmo. Demais! Eu que lhe diga..

Trabalho ao pé do da Ajuda e moro ao pé do Palácio do Alvito!

Xico205 disse...

O palácio Pina Manique é bacano. Tem um bom bar e dá pa jogar matrecos. Já lá estive na sede do Intendente Sport Clube.

Filipe Melo Sousa disse...

O retrato justo e fiel das nacionalizações republicanas. O estado é apenas o pior gestor. Quanto mais nacionaliza, cospe regulamentos e congela as rendas mais Lisboa se torna um caco.