...

...

15/06/2016

FAKE LISBON: Largo do Chiado e Barbearia Campos



Aqui vemos o antigo local do estabelecimento oitocentista da Barbearia Campos reduzida agora a um cubo de betão armado (cortesia da Cooporgest, CML e DGPC) onde se vai colar mobiliário, e pessoas, numa tentativa pueril de se recriar um ambiente histórico que na verdade foi destruido e portanto é irreversivel. Parece que a Barbearia Campos de autentico terá apenas os seus dedicados funcionários e alguns móveis originais. Parece que a Barbearia Campos acabará secundarizada, uma mera decoracão ou curiosidade, para beneficio da McDonalds mesmo ao lado. A capital Lisboa a soar cada vez mais a falso e tudo em nome de um certo modelo de "turismo"? 

1 comentário:

Anónimo disse...


Sim, um certo modelo de turismo.

Não são os turistas que descaracterizam e invadem Lisboa, É O MODELO DE CONCENTRAÇÂO NA ZONA HISTÓRICA, DE HOTELIZAÇÂO TOTAL DESSA ZONA, DE PARQUE DE DIVERSÕES PARA TURISTA DE COPO DE CERVEJA NA MÃO, DE TURISMO RASCA E DE TUC TUC.