Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

15/10/2013

Palácio Marim-Olhão a desfazer-se, como é possível, CML?


Exmo. Senhor Presidente
Dr. António Costa


Cc. AML, Media

Como é do conhecimento de V. Exa., o Palácio Marim-Olhão, sito na Calçada do Combro, que foi «Mandado erigir por um fidalgo da casa dos Cunhas, ou Palácio do Correio Velho, como também é conhecido, foi pertença dos Condes de Castro Marim e Marqueses de Olhão durante largos anos.» (in Renovar Lx), está, literalmente, a desfazer-se, como se comprova pela fotografia em anexo, tirada ontem...

Relembramos a V. Exa. que «a Câmara Municipal de Lisboa adquiriu o edifício, no âmbito da reabilitação urbana, e actualmente é gerido pela EGEAC, tendo uma função predominantemente cultural.» (idem).

(*) O que perguntamos é:

- Como é possível que a CML não tenha ainda considerado o Palácio Marim-Olhão como uma prioridade em termos de reabilitação urbana?
- Como é possível que a CML não tenha planeado instalar para aquele edifício uma ocupação que o potencie e lhe dê vida?
- Como é possível que um edifício da importância do Palácio Marim-Olhão esteja a cair aos bocados, ainda que mantenha desde há muitos anos um conhecido leiloeiro a funcionar num dos pisos arrendados pela CML?
- Como é possível que este edifício não esteja classificado, no mínimo, como Imóvel de Interesse Municipal?

Melhores cumprimentos


Paulo Ferrero, Bernardo Ferreira de Carvalho, António Branco Almeida, Miguel de Sepúlveda Velloso, Nuno Caiado, Júlio Amorim, Virgílio Marques, Fernando Jorge, Carlos Matos, Jorge Lopes, Alexandre Marques da Cruz, Beatriz Empis


...

(*) Posteriormente a este envio, recebemos da EGEAC indicação esclarecendo que o Palácio não é gerido pela EGEAC, contrariando assim info disponível no site da CML: http://revelarlx.cm-lisboa.pt/gca/?id=606. Obrigado.

6 comentários:

Anónimo disse...

VERGONHOSO!
COMO É QUE ESTE IMÓVEL AINDA NÃO ESTÁ CLASSIFICADO!
NÃO É AQUI QUE FUNCIONA O PALÁCIO DO CORREIO VELHO? UM CONHECIDO LEILOEIRO DE ANTIGUIDADES?

Filipe Melo Sousa disse...

O autor do post paga as obras de requalificação?

Anónimo disse...

Os ricos pagam.
Não tenha dúvidas que pagam, obrigados ou de livre vontade.
Quantos ricos se tornam mecenas na Suécia?
O Filipe sabe responder.
James Tobin deu uma resposta em 1981.
Taxa Tobin.
Soluções há muitas.
O Filipe importa-se de dar dez euros?
Vamos a esse peditório?
Mas para as soluções é preciso indignação e dizer que devemos roubar os ricos?
Concorda Filipe?
Quem nos tem roubado nos últimos 20anos?
Foram os pobres que nos roubaram e aqueles que viveram acima das possibilidades... que foram... os remediados.
È fácil ser jovem, mas a memória não nos chega aos nossos avós e então aos bisavós não os conhecemos de lado algum.
É bom ser jovem e ser licenciado.
Que se lixe o Património.
A memória é o amanhã.

Anónimo disse...

O autor do post?
Não será antes a cml, que é proprietária do imóvel?
Não há dinheiro??
Deve ser do valor da renda de "amigo" que é cobrada e que equivale ao que muitas famílias pagam por um T3....

Filipe Melo Sousa disse...

Não há grandeza de espírito nenhuma em ser generoso com o dinheiro do erário público. Que, deixe-me lembrá-lo, está falido.

O legado histórico pode ficar com ele. Assim como a democracia e todos os seus pseudo-valores. Os jovens hoje preferem a ditadura de angola para viver ao paraíso democrático português. Fique bem.

Anónimo disse...

"Amostra de homem e de Português" é pouco para descrever o sujeito das 9:01.