30/10/2013

"Cristas não quer mais de dois cães por apartamento"


"O Ministério da Agricultura prepara-se para fazer aprovar um diploma legal sobre animais de companhia em que limita a dois o número de cães permitidos por apartamento.
 
No caso dos gatos, o número sobe para quatro por habitação, a não ser que haja um quintal ou que os bichos morem numa quinta. A proposta atualiza o Código dos Animais de Companhia em vigor, que prevê que não possam estar mais de três cães num apartamento, mas faz outras alterações, segundo o "Público". Bastará apresentar queixa para a respetiva câmara ter o dever de retirar do apartamentos animais em excesso."

in DN 2013-10-29

......................................................

Em Benfica tenho uma vizinha que se crê muito amiguinha dos animais. Tem três cães em casa que NUNCA saem à rua. Quando a sra. dona resolve sair de casa, ficam os três a ladrar as horas que forem necessárias e, um dos cães no seu desespero, dando saltos contra porta da rua. Imaginem quem tem (no seu prédio) de aturar loucuras destas anos a fio. Estes animais passam uma vida de sofrimento graças à total ignorância dos seus donos.

Já agora Sra. Ministra não podia mencionar algo sobre a nojeira que os animais e os seus donos fazem por toda Lisboa e resto ?

Portugal e Lisboa têm gente ignorante em demasia que nem um animal devia ter....

6 comentários:

José Silva disse...

e portanto nessa ordem de ideias a lei tambem vai obrigar a quatoa minima certo?....
todos vamos ter um cão em casa.... porque vão sobrar cães a quem mesmo tendo e dando boas condições a mais de 2 cães nãos os possa ter....

JOÃO BARRETA disse...

Entre legislar sobre limites para os cidadãos poderem ter os animais de estimação que o Governo entende correto ou legislar sobre promoções no comércio, é difícil compreender onde começam e acabam as reais competências do Ministério da Agricultura.
Só nos resta aguardar pelo Guião e tudo ficará mais bem claro! Querem ver que também está previsto despedimentos de cães e gatos! Será que para ter Coelho(s) de estimação (SALVO SEJA!) também vão existir limites???

Helena Moura disse...

E já agora podemos legislar também o número de filhos por casal? É que há crianças que passam o seu tempo aos berros ou a correrem pela casa toda e não imaginam o incômodo para os vizinhos! Realmente alguns pais, nem 1 filho deveriam ser autorizados a ter!

Esta decisão é rídicula quando o que deveria prevalecer seria sempre o bom senso!

Anónimo disse...

Caro José Silva, como é mais que óbvio, esta lei não tem efeitos retroactivos.

Wolf disse...

O governo devia era preocupar-se antes em reduzir os gastos nos seus gabinetes e nos chorudos ordenados que tanto fazem aumentar a despesa do estado. Eu entendo que queiram fazer algo de diferente mas isto é ridiculo, se dessem "cursos" de tratamento de animais e como apanhar dejetos que todos os animais destas pessoas deixam na rua talvez fosse melhor, em vez de estar a entrar na privacidade das pessoas...

Anónimo disse...

qual é o espanto com esta nova lei?
num contrato de arrendamento pode estar estipulado que não são permitidos animais de estimação.
na suécia, por exemplo, só é permitido ter cães se a pessoa demonstrar que tem possibilidade de os ir passear durante o dia, pelo menos, em intervalos de 6 horas. ou então deixa-os num "centro de dia".