Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

24/09/2013

Recordar é viver


No rescaldo das mal explicadas e pior executadas obras no Jardim do Príncipe Real sobra um piso 'detestavelmente' poeirento, já esburacado e que deve, tem que ser substituído. Chegados aqui, quem paga este erro crasso?


(Fotos: Jorge Pinto)

5 comentários:

Zé disse...

Eu não. Era só o que faltava. Nem que façam uma acção popular.

Filipe Melo Sousa disse...

Não paga ninguém, pois não há dinheiro. Portanto continuará assim.

Anónimo disse...

Mas existiu dinheiro para requalificações incompetentes...

Responsáveis?

Lol, aqui na Lisincompetência a culpa morre sempre solteira!

Viva o zé....

Anónimo disse...

Eu se estivesse no vosso lugar estava calado, ainda substituem o piso "poeirento" por um à la Expo...

Anónimo disse...

devia pagar o SENHOR ARQUITECTO PAISAGENTO JOÃO CASTRO, É O QUE É