Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

06/11/2013

Ainda sobre a Calçada Portuguesa:


Chegado por e-mail, de Ana Alves de Sousa:

«Aqui fica a ligação ao projecto "Simetria Passo a Passo", cuja responsável é Ana Cannas da Silva e que contraria o caminho mais fácil que parece servir de mote ao plano da CML: 'acabe-se lá com a calçada!'.

É que, na verdade, a par dos azulejos a calçada é uma das imagens de marca mais fortes de Lisboa. A calçada deve ser requalificada, dignificada, valorizada e divulgada. A colaboração de artistas na sua feitura – como foi o caso da Expo - deve ser incentivada, bem como novas abordagens a este tema.

Em vez de acabar com a calçada dever-se-ia, por exemplo, apoiar o Projecto de Matemática Urbana: “Simetria Passo a Passo” http://www.mat.uc.pt/mpt2013/files/simetria_PAP_LX.pdf e criar ou dinamizar Escolas de Calceteiros Artísticos voltando a ensinar e a pôr em prática técnicas antigas e dignificando a profissão. Assim se permitia que fosse, de novo, apetecível circular em calçadas bem executadas sem grandes desníveis ou espaços entre pedras que prejudicam a circulação pedonal. Nas zonas mais inclinadas é continuar-se com a mesclagem com granito por ser menos derrapante.

Mais informações sobre o tal projecto em: http://www.math.ist.utl.pt/~acannas/Simetria/

1 comentário:

Anónimo disse...

Lisboa está condenada a ser uma cidade cada vez mais feia! Os prédios antigos em vez de serem remodelados são demolidos para dar lugar a construções sem qualquer valor arquitetónico, os candeeiros clássicos são trocados por palitos de iluminação, sem que ninguém se importe com isso, e agora até já querem acabar com a tão nossa calçada portuguesa! Vergonha!