Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

14/11/2013

Rua do Ferragial


Chegado por e-mail:

«Bom dia,

Sou residente na Rua do Alecrim desde muito antes de existir a rua cor-de-rosa.
Vim morar para aqui há 8 anos, parava o carro sem problemas à porta de casa e conseguia dormir descansada!
Desde que abriu a rua cor de rosa e os bares do Bairro Alto passaram a fechar às 2h da manhã, enquanto os bares do Cais do Sodré fecham às 4h, as noites aqui passaram a ser um inferno!
Quando fecham os bares do Bairro Alto dá-se o êxodo para a rua côr de rosa, uma quantidade de pessoas que desce a Rua do Alecrim a gritar, a cantar, a tocar às campainhas, a atirar caixotes do lixo por escadas a baixo, a ligar os telefones a amplificadores mesmo em baixo das nossas janelas e a partir os carros todos pelo caminho!
Deixei de estacionar o carro na Rua do Alecrim ao fim de semana, porque todos os dias tinha uma amolgadela, um risco, um espelho ou vidro partido e o carro assaltado! Com a abertura da rua cor de rosa, com os seus horários alargados até às 4h, NUNCA estaciono na minha rua, nem mesmo durante dias de semana!
Mas não é só na Rua do Alecrim que isto acontece regularmente, este foi o cenário com que nos deparámos hoje de manhã na Rua do Ferragial... Uma fila de carros vandalizados e assaltados! O meu tinha sido há uma semana!

sara lopes da fonseca»

2 comentários:

Anónimo disse...

Soluções:
a) Pague uma garagem.
b) venda o carro
c) mude de local de residência.

Anónimo disse...

E o mais vergonhoso é que a policia à noite por essa zona nem vê-la! Não sei porque é que pago tantos impostos para esses supostos agentes de autoridade ficarem fechados na esquadra.