Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

26/11/2013

Antigo hospital do Desterro reabre com habitações temporárias, hortas e espaços criativos


In Sol Online (25.11.2013)

«A reabilitação do Convento do Desterro, onde funcionou um hospital de Lisboa, deve estar terminada antes do Verão para acolher 'inquilinos', que podem habitar e trabalhar temporariamente numa cela e cultivar hortas, segundo um dos promotores.

Fonte da Mainside, parceira nesta reabilitação, indicou à agência Lusa que o projecto "efectivamente já está em marcha e a perspectiva de abertura será para antes do verão; contudo, ainda não existe uma data definida".

A mesma fonte da empresa também promotora da Lx Factory, onde estão instalados espaços comerciais e culturais, assegurou que tem existido uma "grande procura de pessoas interessadas em abraçar" o projecto, "com alguma incidência em moradores da zona, que demonstram um grande interesse em colaborar na regeneração e revitalização desta fracção da cidade".

[...] O responsável disse ainda que a concessão daquele espaço é de dez anos e que poderá ser prolongada.

Por seu lado, o presidente da Câmara de Lisboa frisou que este é um "excelente exemplo de como grandes espaços que estão hoje vazios - e que nas novas condições de mercado dificilmente podem ser vendidos como era o projeto inicial - não têm de ficar fechados, em decadência, mas podem ser reocupados, reutilizados e reinventados". [...]

Desactivado progressivamente desde 2006, o Hospital do Desterro foi vendido à Estamo por 9,24 milhões de euros.

Lusa/SOL»

1 comentário:

Miguel de Sepúlveda Velloso disse...

Se assim for, bravo.

Miguel de Sepulveda Velloso